Logo_novo_rapgol_site
Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Coruja BC1 vai acompanhar final da Red Bull BC One em Paris com PodPah

Título com Cor Branca

Contribua com o jornalismo independente

Botão com Dimensões

A maior competição 1×1 do mundo entre B-Boys e B-Girls, Red Bull BC One, só poderia convidar um dos melhores rappers da atualidade para acompanhar essa final em Paris: Coruja BC1. Não é só no nome que eles têm algo em comum, mas no amor pelo breaking. O rapper, que já foi B-Boy, tem muita familiaridade com esse universo, e acompanhou as eliminatórias do evento no Brasil. Agora, ele junto com a galera do PodPah, irá acompanhar a final que acontece neste sábado, dia 21, em Roland Garros.

Criado em 2004, o evento de breaking é realizado em diversos países, onde a cada ano milhares de dançarinos (agora atletas) competem em batalhas regionais, as chamadas Cyphers. Após essa primeira fase, os melhores B-Boys e B-Girls se enfrentam na final nacional do evento que, neste ano, ocorreu em julho na cidade de São Paulo. Os vencedores dessa etapa (um de cada categoria) disputaram a Last Chance Cypher, antes de garantirem uma vaga na final mundial, que acontece neste sábado em Paris. A grande decisão funciona no formato mata-mata, no qual os participantes dançam em frente a um painel formado por cinco jurados e têm suas habilidades avaliadas. Vale tudo para impressionar: técnica, criatividade e simpatia. Quem for melhor em todos os requisitos e conquistar os juízes, vence.

O cantor e compositor Coruja BC1 é conhecido pela cena dos B-Boys, inclusive, amigo de vários competidores que estão na final. O movimento hip hop e o breaking sempre andaram juntos, e a trajetória do Coruja também tem esse paralelo. O artista vai acompanhar e prestigiar o evento e a delegação brasileira. Durante a transmissão ao vivo, além do canal oficial da Red Bull, o PodPah, o maior podcast do Brasil, fará uma cobertura exclusiva, com Coruja como convidado e B-Boy Neguin, considerado um dos melhores B-Boys do mundo, que já participou de mais de 100 campeonatos internacionais, sendo o único latino-americano e brasileiro a conquistar o cinturão de campeão mundial. Vai ficar pra história a final desse campeonato!

 

Joaozin

Jornalista, fotógrafo, amante do rap nacional e fã nato do Baianinho de Mauá.

Caso voce tenha perdido

Rapgol Magazine - 2024, todos os direitos reservados por R4PRESS AN